WER14 - Workshop em Engenharia de Requisitos 2014: Pucón, Chile


Carlos Cares, Jorge Díaz (Ed.): Anais do WER14 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Pucón, Chile, April 23, 24 and 25, 2014.

voltar

@proceedings{WERpapers: WER14,
  editor = {Carlos Cares, Jorge Díaz},
  title = {Anais do WER14 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Pucón, Chile, April 23, 24 and 25, 2014},
  publisher = { },
  ISBN = {??????????????},
  year = {2014}
}

01 Preface

1 - Preface. Giovanni Giachetti, Marcia Lucena. Anais do WER14 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Pucón, Chile, April 23, 24 and 25, 2014, pp . [pdf] [scholar] Downloads: 356

Abstract: Welcome to XVII Edition of the Requirements Engineering Workshop (WER 2014) held at Pucón, Chile; organized by the University of La Frontera, from 23th to 25th of April 2014.

02 Table of Contents

2 - Table of Contents. , . Anais do WER14 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Pucón, Chile, April 23, 24 and 25, 2014, pp . [pdf] [scholar] Downloads: 0

Abstract: Table of Contents.

03 Papers

3 - Abstract security patterns for requirements specification and analysis of secure systems. Eduardo B. Fernandez, Nobukazu Yoshioka, Hironori Washizaki, Joseph Yoder. Anais do WER14 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Pucón, Chile, April 23, 24 and 25, 2014, pp . [pdf] [scholar] Downloads: 465

Abstract: During the requirements and analysis stages of software development, the primary goal is to define precise requirements rather than being concerned with the details of software realizations. Security is a semantic aspect of applications and their constraints on the application should de described at this moment. From a security point of view we only want to indicate which specific security controls are needed, rather than getting involved with low-level design and implementation details. Therefore, at these stages, it is useful to have a set of patterns which define abstract security mechanisms. These patterns should specify only the fundamental characteristics of thesecurity mechanism or service, not specific software aspects. We present theconcept of Abstract Security Pattern (ASP), which describes a conceptual security mechanism that realizes one or more security policies able to handle a threat or comply with a securityrelated regulation or institutional policy. We present a detailed example of an ASP. We relate ASPs to each other using pattern diagrams as well as to Security Solution Frames and tactics. Finally, we discusstheir value for defining security requirements and for building secure systems.

4 - Modelo orientado à meta para estabelecer relações de contribuição mútua entre Proveniência, Transparência e Confiança. André Luiz de Castro Leal, Henrique Prado Sousa, Julio Cesar Sampaio do Prado Leite. Anais do WER14 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Pucón, Chile, April 23, 24 and 25, 2014, pp . [pdf] [scholar] Downloads: 471

Abstract: Estabelecer modelos de determinado domínio é um dos princípios básicos para uma construção de software com qualidade. Estes modelos facilitam a compreensão de realidades complexas, seus detalhes e interações de suas partes. Entre várias características, a Engenharia de Requisitos Orientada a Metas (GORE) sugere a modelagem de objetivos para expressar a razão das necessidades dos requisitos. O presente trabalho propõe um modelo baseado em GORE para estabelecer, além de detalhes sobre determinados requisitos não funcionais, elos de contribuição positiva entre eles. O estudo é feito com base na inter-relação entre as características de Proveniência, Transparência e Confiança.

5 - Engenharia de Requisitos: Um Survey realizado no Porto Digital, Recife/Brasil.. Darlan Arruda, Rafael Soares, Dércio Vieira, Rafael Ferreira, Thiago Cabral, Maria Lencastre. Anais do WER14 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Pucón, Chile, April 23, 24 and 25, 2014, pp . [pdf] [scholar] Downloads: 461

Abstract: Esse artigo teve como objetivo realizar uma pesquisa com empresas de tecnologia situadas no Porto Digital com o intuito de identificar como essas empresas lidam com a atividade de engenharia de requisitos. Para a realização da pesquisa de campo, usou-se como base um estudo já realizado na indústria nos Estados Unidos pela Jama Software em parceria com a RavenFlow. Após estudo, foram analisados os dados obtidos e em seguida, uma análise comparativa entre os surveys foi realizada.

6 - Prácticas de Ingeniería de Requerimientos en el desarrollo de aplicaciones Web. Alejandro Oliveros, Fernando J. Danyans, Matías L. Mastropietro . Anais do WER14 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Pucón, Chile, April 23, 24 and 25, 2014, pp . [pdf] [scholar] Downloads: 828

Abstract: El rápido crecimiento del desarrollo de las aplicaciones Web no ha sido acompañado por estudios detallados de las particularidades de la Ingeniería de Requerimientos de aplicaciones Web. Las organizaciones de desarrollo han asumido algunas prácticas que no han sido suficientemente investigadas por la comunidad de Ingeniería de Requerimientos. En este artículo se presentan los resultados de una investigación exploratoria de las prácticas de ingeniería de requerimientos en el desarrollo de aplicaciones Web. Se ha logrado establecer un primer panorama del estado de la Ingeniería de Requerimientos en el desarrollo de aplicaciones Web. Basado en estos resultados se establecen recomendaciones para desarrollar una investigación de mayor validez.

7 - Semantic Documentation in Requirements Engineering. Ricardo de Almeida Falbo, Carlos Eduardo C. Braga, Bruno Nandolpho Machado. Anais do WER14 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Pucón, Chile, April 23, 24 and 25, 2014, pp . [pdf] [scholar] Downloads: 633

Abstract: Currently, most requirements documents are prepared using desktop text editors. These documents are intended to be used by human readers. In this paper, we discuss the use of semantic annotations in requirements documents, in order to make information regarding links between requirements and other software artifacts, such as other requirements, use cases, classes and test cases, interpretable by computers. To do that, we extend a semantic document management platform to the requirements domain, and explore the conceptualization established by the Software Requirements Reference Ontology in order to provide features to support some activities of the Requirement Engineering Process, namely: prioritizing requirements, analyzing impacts from requirements changes, tracing requirements through traceability matrices, and verifying requirements using checklists.

8 - NDR-Tool: Uma Ferramenta de Apoio ao Reuso de Conhecimento em Requisitos Não Funcionais . Alex Lins de Araújo, Luiz Marcio Cysneiros, Vera Maria B. Werneck . Anais do WER14 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Pucón, Chile, April 23, 24 and 25, 2014, pp . [pdf] [scholar] Downloads: 424

Abstract: Non-functional requirements (NFR) are fundamental for the software development. The NFR- Framework allows the elicitation to deeply cover necessary trade-offs involving synergetic and conflicting solutions. It also favor the capture of design decisions involving the reasons that lead one to choose between one alternative and another to implement a NFR. This work proposes and describes the NDR-Tool, a tool that supports the software engineer in the requirements elicitation and modelling process. This tool proposes the use of ontologies and web semantics techniques to facilitate storing and retrieving knowledge related to possible alternatives to implement NFR. The tool NDRTool was developed and integrated with a tool for modeling NFR diagrams. As proof of concept we used the tool in the medical field.

9 - Um modelo de features para jogos sérios voltados à saúde: uma abordagem baseada em linha de produtos de software. Danilo Tavares, Carla Silva, Danielle Rousy. Anais do WER14 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Pucón, Chile, April 23, 24 and 25, 2014, pp . [pdf] [scholar] Downloads: 498

Abstract: Há uma crescente demanda por jogos sérios capazes de aprimorar ou treinar habilidades em profissionais ou estudantes em várias áreas do conhecimento. De fato, jogos sérios são capazes de representar situações reais em ambientes virtuais e permitem apresentar novas situações, discutir soluções e treinar atividades particulares. Diante do grande leque de aplicações de jogos sérios, esta pesquisa focou em jogos sérios voltados à reabilitação. Atualmente, há um grande interesse em usar este tipo de jogo em hospitais, clínicas e universidades. Aplicações que pertencem ao mesmo segmento de mercado e que possuem um grande número de características comuns, podem ser desenvolvidas como uma linha de produtos de software (LPS). Portanto, esta pesquisa visa definir jogos sérios voltados à reabilitação como uma LPS. Assim, foi realizada uma revisão sistemática sobre jogos desse tipo, a fim de capturar características comuns e específicas dos vários jogos encontrados na revisão. Como resultado, um modelo de features para jogos voltados à reabilitação foi definido para capturar as suas características, visando aumentar o reuso estratégico dos seus artefatos de software.

10 - Uso Do Design Thinking Na Elicitação De Requisitos De Ambientes Virtuais De Aprendizagem Móvel. Cynara Lira de Carvalho Souza, Carla Silva. Anais do WER14 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Pucón, Chile, April 23, 24 and 25, 2014, pp . [pdf] [scholar] Downloads: 682

Abstract: Mobile Learning (m-learning) é o campo de pesquisa que busca analisar como os dispositivos móveis podem colaborar para a aprendizagem. O desenvolvimento de softwares para dispositivos móveis que atuem como recursos pedagógicos é essencial para a efetiva implantação do m-learning ou ambiente virtual de aprendizagem móvel (AVAM). Processos de engenharia de requisitos para AVAMs precisam de fato impactar o ambiente de ensino e aprendizagem. Para tanto, estes processos precisam incluir atividades que provoquem o uso de técnicas de criatividade, de forma a conceber a criação de AVAMs que de fato modifiquem e melhorem o processo de ensino e aprendizagem. Nesse contexto, o presente artigo apresenta um processo de elicitação e documentação de requisitos para ambientes virtuais de aprendizagem móvel. Este processo se baseia nos conceitos do processo do Desing Thinking que fornece uma metodologia para provocar as necessidades dos clientes, produzindo protótipos rápidos e simples que eventualmente convergem para soluções inovadoras.

11 - NòmosBPMN: Adaptando o Nòmos para a Modelagem de Processos de Negócio. Hidelberg Albuquerque, Carla Silva, Danielle Rousy. Anais do WER14 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Pucón, Chile, April 23, 24 and 25, 2014, pp . [pdf] [scholar] Downloads: 350

Abstract: O Framework Nòmos estende o framework i* para alcançar a conformidade legal dos requisitos de software. Um requisito legal é uma exigência expressa nas normas jurídicas e imposta por departamentos governamentais. O não-cumprimento de um requisito legal por parte de um software pode acarretar transtornos legais e financeiros às empresas e suas soluções. Para realizar a Engenharia de Requisitos efetivamente, é necessário conhecer e entender os processos de negócio. São eles que definem como as atividades da empresa são executadas para alinhar seus negócios aos objetivos estratégicos organizacionais. Assim, tanto os processos de negócio como os softwares que os apoiam devem estar em conformidade legal com as normas jurídicas existentes num determinado domínio de aplicação. Devido a ampla adoção do BPMN na indústria e na academia, este trabalho propõe uma adaptação do Nòmos para a modelagem de processos de negócio em BPMN (ao invés de usar exclusivamente o i*).

12 - Uma Abordagem Colaborativa de Modelagem Conceitual de Informação utilizando Mind Maps. Rafael Duarte, José Júnior, Ruben Araújo, Fernando Wanderley, Maria Lencastre. Anais do WER14 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Pucón, Chile, April 23, 24 and 25, 2014, pp . [pdf] [scholar] Downloads: 413

Abstract: Recent studies have shown that the existence of a poor requirements elicitation or the lack of this activity, during the information system development, have generated a series of system failures and resulted in unsatisfied customers. Among several reasons, the no user participation in the conceptual modelling process stands out. Another important issue is considering the need for creating a conceptual model with the integration of various viewpoints, from different stakeholders. In this context, this paper has two main goals: the first one is trying to make the modeling process more inclusive for the customers/stakeholders, during the conceptual modeling, through the adoption of cognitive models such as Mind Maps; the second one, is trying to consolidate the multiple perspectives of the resulting conceptual models (each from a different stakeholder) using merge techniques. The expected result is to obtain ubiquitous conceptual models with higher quality.

13 - Extração de casos de teste a partir de modelos de processos de negócio . Henrique Prado Sousa, André Luiz de Castro Leal, Arndt von Staa, Julio Cesar Sampaio do Prado Leite. Anais do WER14 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Pucón, Chile, April 23, 24 and 25, 2014, pp . [pdf] [scholar] Downloads: 623

Abstract: A modelagem de processos de negócio é um recurso que vem sendo empregado com diversas finalidades, entre as quais, planejamento e alinhamento estratégico. Na engenharia de requisitos, os modelos de processos de negócio também são utilizados como insumos na extração de requisitos de software, os quais deverão ser utilizados com base para testes posteriores. Neste sentido, propomos um método de extração de suítes de testes a partir de modelos de processo de negócio. A identificação dos casos de testes é baseada na junção de heurísticas de identificação de requisitos e novas heurísticas inspiradas em métodos de geração de casos de testes a partir de casos de usoe diagrama de estados. O produto é uma suíte de casos de teste definida ainda nas fases iniciais do desenvolvimento, com base em informações de contexto.

14 - Managing requirements@run.time with a linguistic decision making approach ?. Romina Torres, Hernan Astudillo. Anais do WER14 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Pucón, Chile, April 23, 24 and 25, 2014, pp . [pdf] [scholar] Downloads: 299

Abstract: In the seminal work about requirements, Zave and Jackson established that if specication models hold the correctness criteria then, they can be used instead of requirements to make decisions (e.g. select an architectural conguration to implement requirements). Unfortunately, during runtime for systems under changing environments, domain assumptions may change and if they are not properly maintained (synchronized) the correctness criteria may becomes not useful to detect when the specication model is not anymore a valid representation of requirements. Thus, requirements may be violated but not properly detected. In order to avoid specication models become obsolete during runtime, we already proposed reify requirements into abstract specication models. In this paper we extend the correctness criteria to requirements@run.time and we propose specically the linguistic decision making (LDM) models to represent these abstract models. We present an illustrative example of how our approach works. The main contribution of this approach is obtained during runtime, when the false negative rate error on determining when requirements are violated is reduced.

  voltar