WER16 - Workshop em Engenharia de Requisitos 2016: Quito, Ecuador


Juan Pablo Carvallo, Gleison Santos (Ed.): Anais do WER16 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Quito, Ecuador, Abril 27-29, 2016.

voltar

@proceedings{WERpapers: WER16,
  editor = {Juan Pablo Carvallo, Gleison Santos},
  title = {Anais do WER16 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Quito, Ecuador, Abril 27-29, 2016},
  publisher = { },
  ISBN = {},
  year = {2016}
}

Goal Oriented Requirements Engineering

1 - Scalability of istar: a Systematic Mapping Study. Paulo Lima , Jéssyka Vilela, Enyo Gonçalves, João Pimentel, Ana Holanda, Jaelson Castro, Fernanda Alencar and Maria Lencastre.. Anais do WER16 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Quito, Ecuador, Abril 27-29, 2016, pp 1-15. [pdf] [scholar] Downloads: 140

Abstract: Since its first proposal in the nineties, the i* framework has been used to requirements specification in many domains, such as healthcare, tele-communication, and air traffic control. After the modeling of different exam-ples and case studies, it has been observed that i* models become dramatically more difficult to understand and analyze as they grow larger. This issue has led us to investigate scalability in the context of the i* framework, by means of a systematic mapping study. A total of 119 papers were analyzed, in order to un-derstand how scalability is perceived by the i* research community, which pro-posals have considered this topic, and what open issues still need to be ad-dressed. We found that scalability issues are indeed perceived as relevant and that further work is still required, even though many potential solutions have al-ready been proposed. This study can be a starting point for researchers aiming to further advance the treatment of scalability in social goal models.

2 - Transformação do modelo i* em user stories: uma abordagem para documentação ágil baseada nas razões, intenções e NFR. Celso Sá Filho , Denise Assis, Aêda Sousa, Aline Jaqueira, Marcia Lucena, Teresa Maciel and Fernanda Alencar.. Anais do WER16 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Quito, Ecuador, Abril 27-29, 2016, pp 16-29. [pdf] [scholar] Downloads: 111

Abstract: Na documentação ágil, razões, intenções e requisitos não funcionais nem sempre são considerados a contento durante o ciclo de vida de desenvol-vimento de um produto. A não consideração desses aspectos pode prejudicar a qualidade do sistema, levando a dificuldades na manutenção e no gerenciamen-to dos requisitos. Para mitigar o problema, este trabalho propõe a transformação do modelo i* (iStar), que naturalmente considera razões, intenções e requisitos não funcionais desde as fases iniciais, através das user stories. A transformação é realizada através de um conjunto de diretrizes que inclui o design rationales na documentação ágil. Para análise da proposta, considerou-se os exemplos propostos por Eric Yu na concepção do i*. Como resultado, é apresentada uma documentação que considera razões, intenções e requisitos não funcionais, evitando assim a construção de requisitos desnecessários e minimizando o impacto das mudanças de requisitos.

3 - An empirical study on the use of context annotations and flow expressions to specify the behavior of context- sensitive systems. Jéssyka Vilela , Jaelson Castro, João Pimentel and Enyo Gonçalves. . Anais do WER16 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Quito, Ecuador, Abril 27-29, 2016, pp 29-42. [pdf] [scholar] Downloads: 49

Abstract: Context-Sensitive Systems (CSS) must detect variations in their op-erating context and adapt their behavior in response to such variations. Accord-ingly, the specification of the required context and the behavior of the tasks of such systems is a complex and labor-intensive task, which calls for systematic methods. In previous work, we have presented the GO2S (GOals to Statecharts) process to derive the behavior of context-sensitive systems from requirements models. In this paper, we report the findings of an empirical study conducted with twenty-two professionals. We examine how they perceive the complexity of the notations for context and for behavior specification, as well as the com-plexity of the GO2S process. The study findings showed that approximately 81% of the subjects specified the behavior correctly, whereas 97% identified the contextual variation points correctly. Moreover, according to the subjects’ feedback, the notations for behavior and context specification and the GO2S process have a moderate complexity. Finally, we conclude this work by show-ing promising research opportunities underexplored in current research.

4 - Uma solução baseada em ontologia para o tratamento de erros em modelos construídos na linguagem i*. Heyde Francielle do Carmo França, Renato de Freitas Bulcão Neto. Anais do WER16 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Quito, Ecuador, Abril 27-29, 2016, pp 43-48. [pdf] [scholar] Downloads: 81

Abstract: The i* language faces problems regarding the quality of requirements models, which include typical mistakes of misuse of its constructs, the presence of ambiguities on the interpretation of those constructs and the complexity of the resulting i* models. This paper proposes the extension of an ontology-based representation for i* models aiming at preventing the most well-known errors while constructing such models. Results demonstrate an approximate coverage of 70% of those common errors in the context of a case study.

Literature review and survey

5 - Trends and Needs in Requirements Engineering Research in Ibero-America: Insights from a Panel. Jose Luis de La Vara , Isabel Sofia Brito, Nelly Condori-Fernández and João Araújo.. Anais do WER16 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Quito, Ecuador, Abril 27-29, 2016, pp . [pdf] [scholar] Downloads: 151

Abstract: Some aspects characterise Requirements Engineering (RE) research from different regions, whereas others constrain RE and RE approaches should not disregard them. Within this context, this paper aims to provide new insights into the trends and needs in RE research in Ibero-America. We have analysed the results from a panel at WER 2015 on the characteristics in Ibero-America that RE research should consider, the topics successfully researched in the region, the topics not sufficiently researched, and the topics on which future research should focus. Among the conclusions, Ibero-America seems to have specific social and cultural characteristics that impact RE, research on goaloriented RE and RE for web-based systems can be regarded as successful, how to improve requirements quality should have been further studied, and RE education and knowledge transfer must be addressed in the future.

6 - Avaliação do Processo de Engenharia de Requisitos em Empresas de Desenvolvimento de Software. Flavia Belintani Blum Haddad , Elias Canhadas Genvigir, Jose Augusto Fabri and Alexandre L'Erário.. Anais do WER16 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Quito, Ecuador, Abril 27-29, 2016, pp . [pdf] [scholar] Downloads: 138

Abstract: A demanda, em ascensão, pela produção de softwares sob medida e softwares destinados a um mercado geral gera uma preocupação com a forma como os softwares são desenvolvidos. Neste contexto, os processos de software contribuem com a definição de atividades a serem executadas pelas equipes, em cada uma das fases de desenvolvimento conduzindo a produção de softwares a fim de atender às necessidades dos clientes, dentro do prazo e custos pré-estabelecidos. Pesquisas apontam que entre 40 a 60 por cento dos defeitos e fa-lhas nos softwares são atribuídos a incorreta definição dos requisitos e que cor-rigir erros no sistema pronto pode ser até 100 vezes mais caro do que se a cor-reção ou a prevenção ocorrer durante a fase que envolve a engenharia de requi-sitos e a implementação do sistema. Portanto, esta pesquisa se destinou ao estu-do de processos de engenharia de requisitos em empresas de desenvolvimento de software, por meio de um estudo de caso único com múltiplas unidades de análise. Os processos de engenharia de requisitos atuais das empresas pesquisa-das foram modelados e avaliados com o auxílio de um quadro de avaliação de maturidade de processo, Uni-REPM (Unified Requirements Engineering Process Maturity Model). Na sequência, foram apresentadas, às empresas, normas e modelos de referências, tais como CMMI-DEV (Capability Maturity Model In-tegration for Development), ISO/IEC 12207, ISO/IEC 15288 e o Guia de boas práticas em engenharia de requisitos (REGPG), para que pudessem conhecer e propor a inclusão de práticas ao processo atual. A análise dos dados após o en-quadramento no Uni-REPM possibilitou verificar quantas ações são necessárias para que cada empresa alcance um nível de maturidade conforme dispõe o qua-dro de avaliação de maturidade de processos de requisitos utilizado. A relevân-cia da pesquisa se caracteriza pela aplicação do quadro Uni-REPM, disponível na literatura científica atual, em processos reais de engenharia de requisitos, ou seja, esta pesquisa contribui para a aproximação da ciência e da indústria por se tratar de uma pesquisa aplicada, além da busca constante pela melhoria de pro-cessos de software.

7 - Melhoria de Documentos de Requisitos: um Mapeamento Sistemático da Literatura. Roberto Azevedo , Aêda Sousa, Ricardo Ramos and Fernanda Alencar. Anais do WER16 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Quito, Ecuador, Abril 27-29, 2016, pp . [pdf] [scholar] Downloads: 121

Abstract: Diversas técnicas são utilizadas, tanto pela indústria quanto pela academia, para a especificação de requisitos de um sistema de software. Den-tre essas, destacamse casos de uso e descrição textual que, como outras, apre-sentam problemas com relação a requisitos que foram abandonados; estruturas demasiadamente longas ou muito pequenas, pouco significativas e até desne-cessárias; requisitos duplicados, fragmentados e espalhados. Tudo isso dimi-nui a facilidade de entendimento, a modularidade e a reusabilidade do docu-mento de requisitos, acarretando a inserção de erros nas fases posteriores do processo de desenvolvimento. Para esses casos, o quanto antes os problemas forem encontrados, menor será o custo para removê-los. Nesta pesquisa, utili-zou-se o mapeamento sistemático da literatura como procedimento metodológico, com o objetivo de verificar, com bases em evidências, o estado atual de estudos sobre a melhoria de documentos de requisitos. A ideia foi verificar como essas melhorias foram validados e se utilizam alguma ferramenta de a-poio. Diversos estudos propõem diferentes técnicas para avaliação e melhoria de documentos de requisitos por meio de refatorações e padrões, a fim de mi-nimizar ou remover deficiências. Após análise dos estudos identificados, me-lhorias serão propostas à abordagem AIRDoc (Approach to Improve Requi-rements Documents), bem como o desenvolvimento de uma ferramenta para apoiar a execução do processo de forma efetiva.

Requirements Analysis

8 - Uso de un Léxico y Escenarios para Mitigar Amenazas a Requisitos en el Desarrollo Global de Software. Juan Pablo Mighetti , and Graciela D. S. Hadad. Anais do WER16 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Quito, Ecuador, Abril 27-29, 2016, pp . [pdf] [scholar] Downloads: 75

Abstract: El desarrollo global de software se está difundiendo cada vez más en las organizaciones. Si bien brinda ventajas competitivas al aumentar la velocidad en las entregas del software y reducir costos por aprovechar recursos calificados más baratos, es una forma de trabajo compleja, donde amenazas provenientes principalmente de distancias geográficas y culturales pueden impactar negativamente en actividades y artefactos del proceso. La calidad de los requisitos suele deteriorarse debido a estas amenazas latentes no tratadas, propagando defectos en subsiguientes fases del desarrollo. Estas dificultades fueron estudiadas en un proyecto real de gran envergadura, desarrollado bajo esta modalidad de trabajo. Debido a ellas, se elaboró una propuesta utilizando un modelo Léxico y Escenarios para mitigar amenazas que afectan a los requisitos en esta modalidad distribuida. La propuesta fue aplicada en un nuevo proyecto real de similares características y, al compararlos en calidad y tiempos en requisitos, se obtuvieron resultados suficientemente promisorios.

9 - Um modelo para tratamento de ambiguidades em requisitos de evolução de sistemas jurídicos baseado em mapeamento conceitual. Luiz Gustavo Ferreira Aguiar , Rebeca Teodoro Da Silva, Elias Canhadas Genvigir, Jose Augusto Fabri and Alexandre L´erario.. Anais do WER16 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Quito, Ecuador, Abril 27-29, 2016, pp . [pdf] [scholar] Downloads: 126

Abstract: O Domínio Judicial Brasileiro possui sistemas em processo de evolu-ção, principalmente os sistemas de processo judicial eletrônico. A participação de diferentes usuários, concomitante às complexidades do direito, geram requisi-tos de evolução de software contendo ambiguidades. Este trabalho apresenta um modelo para captação e tratamento desses requisitos, através de feedback dos usuários, utilizando mapeamento conceitual. O modelo proporciona a delimita-ção do escopo do requisito e sua conceituação, sendo importantes contribuições para a compreensão do requisito, reduzindo a incidência de ambiguidades. De-vido à complexidade do direito, a linguagem natural ainda é predominante para os requisitos, contudo, o mapeamento conceitual demonstrase eficiente para a representação dos conceitos da área, bem como de fácil aprendizado.

10 - Calidad en la inspección de requerimientos de software: una propuesta de medición. Alex Armijos Roblero , Carlos Monsalve, Ruben H. Ullón, Ricardo D. Maya and José A. Romero.. Anais do WER16 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Quito, Ecuador, Abril 27-29, 2016, pp . [pdf] [scholar] Downloads: 116

Abstract: La inspección de software, dentro del análisis de requerimientos, consiste en un conjunto de pasos ordenados y coordinados que intenta detectar tempranamente defectos para prevenir la construcción de un software que no responda a las necesidades del usuario final. Sin embargo, aunque se sigan estos pasos, su calidad podría verse afectada por el perfil de los inspectores. La calidad en la inspeccion de software no ha sido estudiada a profundidad; es decir, no se ha definido claramente que mediciones de calidad realizar y cómo realizar comparaciones entre inspectores. El presente estudio propone, con bases estadísticamente probadas, una forma concreta para medir la calidad en trabajos de inspección realizados por inspectores con diferentes perfiles. El experimento fue diseñado basado en la norma IEEE 1028-2008 y consistió en inspeccionar casos de uso para un software de un organismo del gobierno ecuatoriano donde los inspectores tenían dos perfiles: estudiantes universitarios y profesionales de computación. Los resultados obtenidos presentan mejores índices de calidad en los profesionales. La medición de calidad de inspección propuesta podría mejorarse con experimentos adicionales y trabajos a futuro.

Requirements Specification

11 - Towards a Requirements Engineering Process for Innovative Software: Learning with the ConecteIdeias Case. Renata Guizzardi , Marcos Accioly, Letícia Fonseca, Roberta Gomes and Miriam Pinto. Anais do WER16 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Quito, Ecuador, Abril 27-29, 2016, pp 43-56. [pdf] [scholar] Downloads: 47

Abstract: For many years, Requirements Engineering has been regarded as a crucial phase of software development, because it is responsible to collect from the stakeholders and model the purposes of the system to be. Consequently, lots of research results have been accumulated over the years concerning approaches to elicit and model requirements. However, eliciting and modeling requirements for innovative software, for which no determined stakeholder is defined, are still open research issues. This is due to the very nature of innovation, which asks for new ways of thinking and generating software products. This paper aims at presenting the RE process which led to the development of a web-based social network named ConecteIdeias. This social network is aimed at supporting people on creating new ideas and solutions to change social reality in the place where they live. Besides briefly presenting the social network and thoroughly describing the process, this paper also presents some lessons learned and good practices gathered throughout the process execution. The long term goal of this research is to propose a general RE process for the development of innovative software.

12 - A Especificação de Requisitos no Domínio de Sistemas de Informação com o Uso de Padrões. Leonardo Barcelos , Rosângela Penteado. . Anais do WER16 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Quito, Ecuador, Abril 27-29, 2016, pp 56-69. [pdf] [scholar] Downloads: 158

Abstract: The requirement elicitation is the first step to obtain quality software, requiring constant interaction among stakeholders. The requirements in the information systems domain have similar characteristics, such as the CRUD operations. Reusing knowledge obtained in previous projects, requirement patterns can be elaborated to facilitate the complete and consistent specification of system requirements in that domain. This paper shows a set of functional requirement patterns and business rules elaborated to help the software engineer in the writing of the requirements document. The non-functional requirements were not considered in this project. A computational support was developed, based on that set of patterns, to facilitate the organized and complete writing of the requirements document. Case studies are presented with the use of the computational support.

13 - A utilização da linguagem natural na especificação de requisitos: um estudo por meio das equações estruturais. Roberto Avila Paldes , Angelica Toffano Seidel Calazans, Ari Melo Mariano, Eduardo José Ribeiro Castro and Bruno De Souza Silva. . Anais do WER16 - Workshop em Engenharia de Requisitos, Quito, Ecuador, Abril 27-29, 2016, pp 70-83. [pdf] [scholar] Downloads: 86

Abstract: O objetivo deste estudo é analisar fatores de influência para a escolha da linguagem natural (LN) na especificação de requisitos. A metodologia adotada é de estudo descritivo, de abordagem quantitativa por meio de equações estrutu-rais. O modelo teórico proposto baseia-se na Teoria Unificada de Aceitação e Uso da Tecnologia (UTAUT). Foi elaborado um questionário (a=0,817) com 17 perguntas para 50 analistas de requisitos. O instrumento de pesquisa foi validado e pode continuar a ser usado. Identificou-se que o motivo que leva os analistas a usar a LN na especificação é a expectativa de um rendimento elevado. A expec-tativa de esforço não pode ser confirmada com um fator de influência. Há um forte reconhecimento que o uso da LN leva a uma maior adesão às necessidades do cliente. Não se identificaram condições facilitadoras nas organizações que in-fluenciem o comportamento de uso, o que pode indicar uma direção de aprimo-ramento efetiva.

  voltar